sábado, 30 de abril de 2011

Estamos vivendo o Centenário

Estamos unidos em torno dos desafios do Centenário da nossa querida Assembleia de Deus, cuja vitória é de todos os que oram e se esforçam e contribuem com seus recursos. Embora falte apenas um mês (4 semanas ou 32 dias) para a nossa celebração, todos nós estamos a viver as emoções do Centenário. Já sentimos as ondas do poder de Deus se manifestando para abençoar toda uma geração que acredita no Deus Eterno que é capaz de usar o Seu povo para realizar grandes obras.

Diariamente, ouvimos de muitas operações de Deus em nosso meio, tanto em bênçãos espirituais como em suprimento financeiro. Alegra-nos o coração saber que muitas conversões a Cristo estão a ocorrer e que centenas de crentes têm sido revestidos do poder do Espírito, aqui e ali, de modo que, certamente, logo alcançaremos a meta de 20 mil conversões a Cristo, 10 mil batizados nas águas e 10 mil batizados no Espírito Santo. Precisamos nos esforçar para fazer um pouco mais, até que o desafio total seja vencido.

Já vencemos, há muito, o desafio de aumentar a quantidade anual de alimentos distribuídos a famílias necessitadas. Nossa meta era alcançar 500 mil quilos, mas já passamos dos 600 mil quilos. Agradecemos a todos os que se esforçaram para conquistarmos tal façanha. Trocando em miúdos, isso significa que a nossa Igreja distribui, por dia, mais de 1 tonelada e meia de alimentos aos famintos.

Graças a Deus e à cidade de Belém, a Avenida Centenário já é uma realidade. O nosso Museu está sendo preparado, quando muitas peças da nossa história serão expostas, numa caminhada retroativa de celebração dos feitos de grandes e conhecidos homens e mulheres de Deus, assim como de inúmeros anônimos.

Por outro lado, as obras do Centro de Convenções são a nossa maior preocupação e esforço de oração e laborioso trabalho. Embora falte pouco tempo, as obras estão em ritmo acelerado, e estamos crendo que Deus nos surpreenderá com abundantes suprimentos, para a inauguração ainda no prazo.

Entendemos pelo Espírito que a celebração do Centenário da Assembleia de Deus exige unidade em torno da vontade de Deus para a nossa geração. Isto já estava incluso na oração sacerdotal de Jesus, antes da sua morte, quando orou ao Pai e intercedeu “por aqueles que vierem a crer em mim” (o que nos inclui aqui em Belém e no Brasil) e buscou a unidade da Sua Igreja: “a fim de que todos sejam um”.

É inadmissível que obreiros, simples mortais que se chamam pelo nome do Senhor, sejam os próprios a lutarem contra a unidade pela qual Jesus orou e profetizou. Nessa oração, Jesus indica que era essa comunhão dos santos que daria veracidade e resultado ao nosso testemunho: “para que o mundo creia que tu me enviaste” (Jo 17.20,21).

Não é aceitável que alguns dos líderes deste mesmo movimento sejam os primeiros a forçarem a barra para que a Igreja-mãe deixe de receber o reconhecimento de que é merecedora. Não é de pouca monta que a Assembleia de Deus em Belém seja a única que pode realizar o Centenário em junho próximo. Cremos que a vontade de Deus é que isto seja reconhecido, pois “a quem honra, honra”, e isto seja, igualmente, objeto de celebração ao Seu glorioso nome.

Sabemos que na comunhão dos santos em unidade, o pouco de cada um se junta para formar o muito que advém do milagre da multiplicação que só Deus pode efetuar, quando disponibilizamos os nossos poucos “pães e peixes” e os colocamos nas Suas santas mãos.

Portanto, conclamo a todos os assembleianos a deixarem de lado quaisquer diferenças e nos ajuntemos num só corpo e num único propósito, para celebrarmos juntos o Centenário e mostrarmos ao mundo a unidade que é devida e esperada desta Igreja do Deus vivo na Terra, para que o Senhor resplandeça sobre nós o Seu rosto.

Amada Igreja do Senhor, embora falte apenas um mês para a nossa festa, decerto já estamos vivendo o Centenário. Vamos, pois, manter a mobilização nos bairros, continuar orando e contribuindo, para que a glória do Senhor se manifeste no nosso esforço conjunto de culto e adoração ao Senhor. Desse modo, unidos em comunhão, vivamos o Centenário com amor e poderosa unção!

Prepare-se e venha celebrar conosco de 16 a 18 de junho próximo. Participe do nosso “Cenáculo” e seja poderosamente cheio do poder do Espírito Santo para a glória de Deus.

Nós somos a geração do Centenário!


Samuel Câmara - Pastor da Assembléia de Deus Belém / PA - Igreja Mãe
Confira os artigos do Pastor Samuel Câmara, todas as semanas no jornal "O Liberal" -http://www.oliberal.com.br/


2 comentários:

Márcio Andrade disse...

A PAZ DO SENHOR!!
ESTÃO QUERENDO MUDAR A DATA E DEIXAR DE FORA A MÃE DA ASSEMBLEIA DE DEUS NO BRASIL. QUERIA SABER COMO SE FESTEJA O ANIVERSÁRIO DA MÃE E DEIXA ELA DE FORA SEM CONVIDÁ-LA. MAS O NOSSO POVO CONHECE NOSSA HISTÓRIA E VAI ESTÁ DIAS 16, 17 E 18 NO MAGUEIRÃO, NO CENTRO DE CONVENÇÃO, PASSEAR PELA AVENIDA CENTENÁRIO, CONHECER O MUSEU HISTÓRICO DA ASSEMBLEIA DE DEUS, FAZER O TRAJETO DOS PIONEIROS DA ESCADINHA NO PORTO ATÉ O BANCO ONDE ELES COMERAM MANGA. E EU VOU FAZER QUESTÃO DE COMER UMA MANGA TAMBÉM. VAI SER UMA VERDADEIRA BENÇÃO!! QUEM QUISER QUE SE ENGANE INDO DIA 09/06, EU CHEGAREI AI DIA 15/06, NO QUERO NEM VER ESSA PRESEPADA, EU VOU É PRO VERDADEIRO CENTENÁRIO. EU FAÇO PARTE DA GERAÇÃO DO CENTENÁRIO, SOU FILHO DE BELÉM DO PARÁ, NASCIDO E CRIADO NA MINHA IGREJA A MÃEZONA ASSEMBLEIA DE EM BELÉM MÁRCIO ANDRADE.

Irmão Jacó Santiago disse...

Prezado Pastor Samuel Câmara, tenho acompanhado todo sábado, o Programa Voz da Assembléia de Deus e visto o teu esforço para que o centenário da AD tenha o maior brilho possível. Me solidarizo com as tuas lutas, decepções e esforço para que a festa tenha um grande êxito. De minha parte estou contando os dias, para juntamente com minha esposa estar aí em Belém louvando ao Senhor junto com vocês, pelos 100 anos de vitória. Daqui de Ipatinga (MG) uma grande caravana já está de malas prontas para também estar nesta linda celebração.
Nos aguarde em Nome de JESUS!